terça-feira, 1 de maio de 2018

A senha do Paraiso

Quando completamos um mês de namoro, Marta pediu a senha de meu celular. Alegou que seu telefone era desbloqueado, não tinha nada a esconder e gostaria de reciprocidade. Foi além, disse que concederia alguns dias para que excluísse conversas e fotos comprometedoras do passado, pois não gostaria de abrir meu aparelho e encontrar outras mulheres me abraçando, mesmo que estes fatos houvessem ocorrido cinco, dez ou quinze anos atrás.
Fui pego de surpresa com este pedido, realizado sem anestesia nem aviso prévio. Aliás, na hora não consegui distinguir se aquilo era um pedido, uma ordem ou brincadeira. Confesso que também nunca havia pensado direito no assunto, mas uma coisa posso afirmar, não gosto de receber ordens, muito menos de uma namorada de trinta dias. Não sabia o que responder, talvez até liberasse a senha, mas imaginava que aquilo deveria ser iniciativa minha.

Pressionado por seu olhar inquisitivo, contestei com a primeira obviedade que me veio à cabeça. Sabendo que meu telefone seria fiscalizado periodicamente, é evidente que se praticasse alguma transgressão, apagaria todas as pistas. Seria perda de tempo ela ficar procurando rastros ou vestígios. Não convencida, contra argumentou advertindo que um dia haveria de me descuidar, então seria pego na malandragem. No entanto, relaxou concedendo-me um prazo maior. Quando completássemos seis meses de namoro, gostaria de receber como presente a maldita senha.
A discussão não parou por ai. Na semana seguinte, comuniquei a Marta que lhe concederia a senha, mas antes gostaria de lhe contar uma história bíblica, o Gênesis. Depois disso, se tivesse vontade, poderia revirar meu telefone ao avesso.
No sexto e último dia da Criação, quando tudo já fora criado e estava em seu devido lugar, o Todo Poderoso criou o homem. Adão tinha inúmeros talentos e virtudes. Não era uma pessoa como nós. Nasceu para ser imortal e viver livre de preocupações, esforços e sofrimentos. Era um ser primariamente espiritual e mantinha uma ligação direta com o Criador. Vivia no Jardim do Éden, o Paraíso.
Mas ainda faltava algo para a plenitude. Uma companheira para Adão. Imprescindível e vital para os planos do universo. Quando este adormeceu, o Todo Poderoso lhe retirou uma costela e criou Eva, sua mulher. A obra agora estava completa, um mundo celestial e primoroso, dois seres perfeitos, com espiritualidade impar, que mantinham uma ligação direta e constante com o Criador.
A tarefa de ambos era cultivar e desfrutar do Jardim, com uma única proibição: não comer do fruto da Árvore do Bem e do Mal. Aparentemente era apenas um mandamento simples, uma única demonstração de obediência, no entanto, menos de vinte e quatro horas após terem sido criados, Adão e Eva sucumbiram à tentação oferecida pela serpente e provaram do fruto proibido. A transgressão não foi um mero erro ou descuido. Tinham uma relação íntima e direta com o Criador que lhes comunicava suas diretrizes. Sabiam exatamente os riscos que estavam correndo. Se comessem do fruto proibido seriam expulsos do Paraíso e perderiam a imortalidade.
O que muitos não sabem, é que a proibição era temporária. Adão e Eva ainda não estavam preparados para conviver com a maldade. Haviam sido criados naquele mesmo dia e só conheciam o bem, o que não significa que o mal já não existisse no mundo. A astuciosa serpente, encarnando a maldade, aproveitou a ingenuidade do casal e habilmente os seduziu.
Morderam o fruto interditado e imediatamente após sentirem seu gosto, perderam a inocência, o bem e o mal se fundiram no interior de seus corpos e se tornaram conscientes da culpa e da vergonha. O Criador cumpriu sua promessa e os expulsou do Jardim do Éden, mas esta não foi a única punição.
Adão foi condenado a tirar da terra, com o suor de seu rosto, durante todos os dias de sua vida, o seu sustento. Acabou a mamata de tudo do bom e do melhor cair do céu. Além disto, ficou determinado que Adão voltaria a se transformar em terra, matéria de onde fora criado. “Havia sido pó e ao pó retornaria”, ou seja, o Criador manteve sua palavra e condenou-os, junto com todos seus descendentes, à morte.
Quanto a Eva, o Criador reservou outros mistérios. Multiplicou os sofrimentos do parto e ordenou que os desejos da mulher a impulsionassem para o marido, que passaria a dominá-la. Queridos leitores, não estou inventando esta passagem bíblica, podem conferir – Gênesis 3:16.
Não parou por ai, o Criador colocou uma relação de amor e ódio entre a mulher e a serpente. A mulher íntegra dominaria a serpente do mal, pisando em sua cabeça, mas quando a cobra fosse mais esperta, esta morderia o calcanhar da mulher, que se submeteria a seu encantamento.
O domínio da mulher pelo marido, o fascínio desta pela tentação e a condenação à morte podem ter várias interpretações. Não é preciso levar o texto ao pé da letra, Adão e Eva não morreram no dia que comeram o fruto proibido, pelo contrário, viveram muitos e muitos anos após terem sido expulsos do Paraíso. Segundo a Bíblia, Adão viveu 930 anos.
O Criador não falhou, tampouco hesitou. A história da humanidade precisava seguir, e o propósito da Criação só iniciou, de fato, quando o casal deixou o Jardim do Éden e começou a ter filhos. Neste exato momento, desencadeou-se na humanidade o processo de morte que acontece com todos nós: ao nascermos, começamos a morrer. Ou, interpretando por outro viés, muitos Joãos e Marias, conseguem viver fisicamente até os noventa anos, mas suas almas morreram lá atrás, aos vinte anos. Quem pode afirmar que ao serem expulsos do Paraíso, Adão e Eva não tenham sido condenados à morte espiritual?
Nesta altura da narrativa, não sabia quanto Marta estava conseguindo associar a expulsão do paraíso com nosso convívio. Não era uma tarefa fácil transplantar o Gênesis para a tecnologia atual e entender que as vezes, a senha do celular, se mal utilizada, pode trancar definitivamente as portas do paraíso.
Precisei ser mais explícito. Expliquei que havíamos completado um mês de namoro, estávamos vivendo como no Jardim do Éden, plenos de expectativas e paixão, fazendo promessas, descobertas e desfrutando o Paraíso aqui na terra. Entretanto, éramos imperfeitos e tínhamos um passado a preservar e um futuro a construir. Não apagaria meu passado da lembrança, tampouco da memória do celular. Da mesma forma, não me atreveria a comprometer nosso futuro bisbilhotando sua intimidade.
Até mesmo no Paraíso existiram regras. Nosso namoro também precisaria respeitar algumas normas de harmonia, intimidade e confiança. Marta teria a escolha de vasculhar ou ignorar conversas e fotos em meu aparelho celular, arcando com as conseqüências de sua curiosidade e invasão de privacidade.
Seis meses se passaram. Marta cumpre religiosamente seu ritual. Antes de dormir, ao invés de rezar, ler um livro ou fazer carinho em seu marido, digita a senha e rastreia sinais de maldade, safadeza, deslealdade ou traição. Um dia vai encontrar. Ou inventar. Marta está casada com outro, bem longe de mim. Cada um tem o paraíso que procura.

 




73 comentários:

  1. Concordo cada um tem o paraíso que procura. Eu prefiro não saber nenhuma senha e aproveitar meu tempo ao lado de quem adoro. Parabéns! Sucesso sempre.

    ResponderExcluir
  2. Affff Uma mulher dessa nasceu pra viver sozinha ,ninguém merece

    ResponderExcluir
  3. Pois é, foi uma única regra e Adão e Eva não as cumpriram. Não houve o direito do amadurecimento pois já nasceram adultos. Possivelmente apreenderam com suas próprias experiências erros e acertos. É sabido que algumas pessoas usam seus celulares como armas para atingir o outro, porém existem outros que usam para agregar seus conhecimentos, visando melhoria em seus processos internos, na qualidade de seus serviços, no relacionamento com o mercado de trabalho e com a vida de modo geral. É claro que isso vai depender dos valores que cada ser carrega em sua vida...

    ResponderExcluir
  4. Surpreso fico em ver um cara dar explicação para mulher assim. Me poupe eu mandava ela andar sem contar historinha de Adão e Eva. Nem senha nem explicação Comigo não se criava. Fernando

    ResponderExcluir
  5. Incrível como tem homem que atrai mulher doida. Uma relação que já começa com cobrança vai terminar como? A não ser que sejam dois psicopatas e vão passar a vida assim... A. B.

    ResponderExcluir
  6. Existem pessoas que insistem em ver a margem e esquecem de ver o coração.

    ResponderExcluir
  7. As pessoas têm tudo para viver relacionamentos saudáveis. 30 dias e já quer senha??? A mulher do texto precisa muita mas muita terapia. Vai passar a vida tentando descobrir algum deslize e vai achar porque deve ser uma chata! Deve estar solita hoje ou acho um SER semelhante. Não entendo a busca por relacionamentos doentes, não entendo mesmo. Fabricia

    ResponderExcluir
  8. Quem procura... acha....

    ResponderExcluir
  9. Homem doido e ainda passou a senha para a mulher. Na primeira ordem deveria ter seguido rumo.

    ResponderExcluir
  10. Uma pena um relacionamento começar com falta de confiança. Nunca vai dar certo, uma hora é a senha, na outra vai checar o facebook, depois vai perguntar para os amigos e assim vai.... relacionamento destinado ao final infeliz.Melhor terminar logo. Sorte que ela achou um igual a ela. Totalmente maluquete.

    ResponderExcluir
  11. Parabéns! Quando deixamos de confiar deixamos de amar ou nunca amamos. Brenda

    ResponderExcluir
  12. Não sei qual a frequência que eles viviam. Mas é nítido que a normalidade está a quilômetros deles.

    ResponderExcluir
  13. A dúvida é a certeza que não estamos no caminho certo.

    ResponderExcluir
  14. Pior é que existem casais assim vivem na desconfiança.

    ResponderExcluir
  15. Sr Ildo fantástica a maneira como escreveste sobre Adão e Eva, conseguiste trazer para uma situação atual. Os casais deixam de viver no paraíso por pura bobagem. Ana

    ResponderExcluir
  16. Não saberia dizer quem é o mais doido. O homem que tem esse tipo de relação ou a mulher que tem esse pensamento. Eu diria que ele não deves ser do bem? Afinal buscamos aquilo que temos para dar.

    ResponderExcluir
  17. Concordo uma relação doentia. Uma simbiose. Ele se submeter a uma situação assim..deve ser bem problemático, ai atraiu uma maluca. Espero que ambos tenham buscado um bom psiquiatra.

    ResponderExcluir
  18. Sabe que fiquei curiosa o que mais rolou com o casal anormal. Ele ainda tem paciência para dar explicação e depois concede a senha, ela maluca total quer controlar tudo. A senha deve ser só o inicio de uma novela mexicana cheia de baixarias. Sr Ildo conte nos mais. estou me divertindo.

    ResponderExcluir
  19. Eu se fosse ela observava o cara digitando a senha. Decorava e pronto.

    ResponderExcluir
  20. Texto sensacional. Como existem casais que levam um relação complicada. Provavelmente a bagagem emocional de cada um é muito pesada. Saber quem é mais doido fica difícil. Normalmente homem não tolera mulher assim. Mas o cara do texto normal não é. E ela então tem um parafuso a menos..um não vários

    ResponderExcluir
  21. Conheço um montão de gente assim. Homens que revistam bolsas das esposas, mulheres que revistam os bolsos do marido, conferem as ligações na conta do celular. Se fosse minha namorada, dava imediatamente a senha da porta da rua.

    ResponderExcluir
  22. Loucura total: o homem explica que havía completado um mês de namoro, estava vivendo como no Jardim do Éden, plenos de expectativas e paixão, e a mulher querendo a senha.. que planeta ele habita. Bom tem gente que se atrai.

    ResponderExcluir
  23. O que leva as pessoas a viverem situações assim? Por mais que ame por mais que seja uma grande paixão. Precisamos nos amar e valorizar primeiro. E tem maluco(a) que fica no relacionamento assim iô-iô, Vai e volta com muita baixaria. a senha é só o começo...Giani

    ResponderExcluir
  24. Doce ilusão de estarem vivendo Jardim do Éden, o cara não viu que a mulher era a própria serpente pronta para o bote. E ele dando explicação. Eu já tinha mandado partir com senha sem senha..longe de mim. Bruno Souza

    ResponderExcluir
  25. O Bem e o Mal se misturam...difícil saber qual do dois é o Bem ou o Mal. Que dupla!

    ResponderExcluir
  26. Magistral! Ótimo e divertido! Duvido que aconteceu com o senhor. Um filosofo deve ser bem resolvido! Beatriz

    ResponderExcluir
  27. Parabéns pelo texto Sr Ildo. Grato por dividir conosco tanto conhecimento. Fantástico o Gênesis. Jorge

    ResponderExcluir
  28. Mulher complicada mal iniciou o relacionamento e já colocou na parede! Tem homem que gosta de ser mandado, aumenta a autoestima.Sente-se importante com o ciúme da doida.
    Maria Christina Albuquerque

    ResponderExcluir
  29. É uma mulher ciumenta que não respeita a privacidade do outro e precisa sentir que tem o controle de absolutamente todos os aspectos da vida do parceiro. Ciúme doentio! Eu já tinha me mandado e me mudado.

    ResponderExcluir
  30. Imagina o casal na balada, entre tapas e beijos! Depois vão discutir na laje de casa. E voltam a se amar e amanhã mais baixaria. Nem a Serpente ia aguentar! G.S.

    ResponderExcluir
  31. Interessante estamos diante da Síndrome de Otelo:
    nome é inspirado na obra de Shakespeare, Otelo na qual o personagem principal, possuído por um ciúme doentio, mata sua esposa, Desdêmona. As pessoas que têm síndrome de Otelo sofrem com o delírio de que seus parceiros ou parceiras são infiéis.
    A pessoa fica obcecada com a ideia de traição e infidelidade e tenta fazer de tudo para buscar provas que mostrem que ela está certa. E tudo pode começar pela senha do celular.

    ResponderExcluir
  32. As relações humanas são fantásticas. O que leva um homem a aceitar uma ordem assim? Porque uma mulher se comporta assim? Como se atraíram? Existe algum futuro junto? Na minha opinião se forem adolescentes a relação pode durar alguns dias. Pessoas maduras e bem resolvidas não toleram.

    ResponderExcluir
  33. Muito bom! Sempre surpreendendo!

    ResponderExcluir
  34. Cumprimentos pelo texto, Sr Ildo. Aprecio muito teu trabalho. Paulo Almeida

    ResponderExcluir
  35. Um relacionamento que poderia ter dado certo se não fosse a falta de confiança, a duvida, o ciúme, a insegurança e a loucura. Tem homem e mulher que não conhece o limite do relacionamento. O limite do respeito.

    ResponderExcluir
  36. Minha impressão é que ela já queria detonar o relacionamento no inicio, é óbvio que homem nenhum tolera esse papo de senha. Margareth

    ResponderExcluir
  37. Qual a senha mais dificil de dar?
    a) do celular
    b) do cartão de crédito
    c) do coração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O mais fácil é sermos livres sem senhas. Confiar de corpo e alma.

      Excluir
  38. Muito bom! Parabéns Sr Ildo.

    ResponderExcluir
  39. Bom, cada um tem o paraíso que escolhe. Tem gente que está vivendo no paraíso mas prefere ir passear no inferno aí começam os problemas.

    ResponderExcluir
  40. Pobre inocente não sabe de nada "Foi além, disse que concederia alguns dias para que excluísse conversas e fotos comprometedoras do passado, pois não gostaria de abrir meu aparelho e encontrar outras mulheres me abraçando, mesmo que estes fatos houvessem ocorrido cinco, dez ou quinze anos atrás." Confusão., baixaria garantia. A senha para sair fora o mais rápido
    A.R.

    ResponderExcluir
  41. Concordo quando questionam qual é o mais doido. Quem pede a senha ou quem perde tempo dando explicação

    ResponderExcluir
  42. Parece que estou vendo meu filho de 16 anos brigando com a namorada de 15 por causa das benditas senhas. Quanta imaturidade. Os adolescentes são mais expertos eles descobrem a senha.

    ResponderExcluir
  43. Sr.Ildo Texto Sensacional!

    ResponderExcluir
  44. Uma vez li que o melhor relacionamento e aquele em espelho. Passamos a vida em busca do nosso espelho. Um espelho com os mesmos valores familiares, o mesmo humor, companheirismo e assim vai. Para finalizar a química. O casal do texto parece o espelho e a parede feia sem pintura. Não combina

    ResponderExcluir
  45. O Sr. Consegue chegar na essência do assunto, no ponto X da questão. Como pode alguém invadir tanto a privacidade do outro, ultrapassar tanto o muro da individualidade. Provavelmente é o tipo de mulher que que controla e manda em tudo, A única solução para ela é relacionar-se com uma Ameba. E talvez nem a Ameba aguente .

    ResponderExcluir
  46. Verdade precisa confiar. Ou então termina e parte para outra. Tem tanta gente bacana no mundo para que se envolver com mulher problema

    ResponderExcluir
  47. Muitas vezes pensamos que aquela pessoa que conhecemos é incrível mas na verdade ela tenta nos controlar e impor suas ideias de cara. Difícil tolerar. Ainda bem que nos dias de hoje podemos cair fora rapidinho. E ainda bloquear nas redes sociais
    Fernando

    ResponderExcluir
  48. Perdeu a chance de desaparecer quando ganho uns dias para excluir as fotos. Ou ficar e ter uma experiência digna de hospício.

    ResponderExcluir
  49. A senha é só a ponta do iceberg do turbilhão de problemas que vão surgir no relacionamento. Certo que vai afundar.

    ResponderExcluir
  50. Mudaria o título: A Senha para Longe do Paraíso
    Elisa

    ResponderExcluir
  51. Não tenho a menor dúvida que somos responsáveis por escolher o paraíso ou o inferno nos relacionamentos. O importante é saber que podemos ter algo melhor e sair do inferno. Veronica Prates

    ResponderExcluir
  52. Sr Ildo ! Magistral! Grato.

    ResponderExcluir
  53. Tem relacionamento que funciona assim a mulher quer a senha, o homem morre de ciúmes dela. Ela domina manda nele
    Ele curte a submissão. Ele acorda. Se
    dá conta não é amor, não é paixão, é doença. Nenhum dos dois está bem. Cada um segue seu caminho. Ja vivi a doença Bárbara

    ResponderExcluir
  54. Comigo não rola, pediu senha, pediu para ver me celular, senha do facebook. Dou de cara a senha da porta da rua. Fabricio

    ResponderExcluir
  55. Maravilhoso aprecio muito seus textos!

    ResponderExcluir
  56. Se ele me pedisse a senha ahhh eu dava!

    ResponderExcluir
  57. Respeito é o princípio do relacionamento. Ninguém deve invadir o espaço do outro sejam senhas, bolsas, agendas ou Facebook

    ResponderExcluir
  58. Difícil entender uma relação assim. Já começou mal. Quem não respeita os limites não respeita nada, nem o próprio parceiro (a)

    ResponderExcluir
  59. Quem tem certeza do Amor não perde tempo tentando achar falhas.

    ResponderExcluir
  60. Sem falar naquelas que surtam quando imaginam que podes estar escondendo alguma coisa no celular. BRUNNO

    ResponderExcluir
  61. Já tive um relacionamento assim, paranoia total dela. Não aguentei.

    ResponderExcluir
  62. Impossível aguentar um relacionamento assim. Bia

    ResponderExcluir
  63. Um mês de namoro imagina com 6 meses. Que roubada!

    ResponderExcluir
  64. Sr Ildo. Há tempo acompanhamento o blog, os artigos são extraordinários. Grato por compartilhar. Breno Ortiz

    ResponderExcluir
  65. Pies Descalzos, Sueños Blancos
    Shakira
    Perteneciste a una raza antigua

    De pies descalzos y de sueños blancos

    Fuiste polvo, polvo eres, piensa

    Que el hierro siempre al calor es blando


    Tú mordiste la manzana

    Y renunciaste al paraíso

    Y condenaste a una serpiente

    Siendo tú el que así lo quiso


    Por milenios y milenios

    Permaneciste desnudo

    Y te enfrentaste a dinosaurios

    Bajo un techo y sin escudo


    Y ahora estás aquí

    Queriendo ser feliz

    Cuando no te importó un pepino

    Tu destino


    Perteneciste a una raza antigua

    De pies descalzos y de sueños blancos

    Fuiste polvo, polvo eres, piensa

    Que el hierro siempre al calor es blando


    Construiste un mundo exacto

    De acabados tan perfectos

    Cada cosa calculada

    En su espacio y a su tiempo


    Yo que soy un caos completo

    Las entradas, las salidas

    Los nombres y las medidas

    No me caben en los sesos


    Y ahora estás aquí

    Queriendo ser feliz

    Cuando no te importó un pepino

    Tu destino


    Perteneciste a una raza antigua

    De pies descalzos y de sueños blancos

    Fuiste polvo, polvo eres, piensa

    Que el hierro siempre al calor es

    Perteneciste a una raza antigua

    De pies descalzos y de sueños blancos

    Fuiste polvo, polvo eres, piensa

    Que el hierro siempre al calor es blando


    Saludar al vecino

    Acostarse a una hora

    Trabajar cada día

    Para vivir en la vida

    Contestar sólo aquello

    Y sentir sólo esto

    Y que Dios nos ampare

    De malos pensamientos

    Cumplir con las tareas

    Asistir al colegio

    Que diría la familia

    Si eres un fracasado?

    Ponte siempre zapatos

    No hagas ruido en la mesa

    Usa medias veladas

    Y corbata en las fiestas

    Las mujeres se casan

    Siempre antes de treinta

    Si no vestirán santos

    Y aunque así no lo quieran

    Y en la fiesta de quince

    Es mejor no olvidar

    Una fina champaña

    Y bailar bien el vals

    Y bailar bien el vals

    Pés descalços e Sonhos Brancos

    Você pertenceu a uma raça antiga
    De pés descalços e de sonhos brancos
    Foi poeira, poeira é, pensa
    Que o ferro exposto ao calor é brando

    Você mordeu a maçã
    E renunciou ao paraíso
    E condenou a tal serpente
    Sendo que você quis assim

    Por milênios e milênios
    Você permaneceu nu
    Enfrentando dinossauros
    Debaixo de um teto e sem escudo

    E agora está aqui
    Querendo ser feliz
    Quando eu não te importo nada
    O seu destino

    Você pertenceu a uma raça antiga
    De pés descalços e de sonhos brancos
    Foi poeira, poeira é, pensa
    Que o ferro exposto ao calor é brando

    Construiu um mundo exato
    De acabamentos tão perfeitos
    Cada coisa calculada
    No espaço e no tempo

    E Eu que sou um caos completo
    As entradas, as saídas
    Os nomes e as medidas
    São conceitos que não entendo

    E agora está aqui
    Querendo ser feliz
    Quando eu não te importo nada
    O seu destino

    Você pertenceu a uma raça antiga
    De pés descalços e de sonhos brancos
    Foi poeira, poeira é, pensa
    Que o ferro exposto ao calor é brando
    Você pertenceu a uma raça antiga
    De pés descalços e de sonhos brancos
    Foi poeira, poeira é, pensa
    Que o ferro exposto ao calor é brando

    Saudar o vizinho
    Dormir a uma hora
    Trabalhar cada dia
    Para viver a vida
    Contestar só aquilo
    E sentir só isto
    E que Deus nos ampare
    Dos maus pensamentos
    Cumprir com as tarefas
    Freqüentar o colégio
    Que diria a família
    Se é um fracassado?
    Coloque sempre sapatos
    Não faça ruido na mesa
    Só com meias palavras e
    Gravata nas festas
    As mulheres se casam
    Sempre antes dos trinta
    Se você não é santa
    E ainda assim não te aceitam
    Na festa de quinze anos
    É melhor não esquecer
    Uma fina champanha
    E dançar bem a valsa
    E dançar bem a valsa

    ResponderExcluir
  66. Bacana demais o texto. Penso que a pior coisa é viver com alguém que não confia no parceiro(a). As vezes existem situações que eu particularmente prefiro não saber para não sofrer. Minha opinião.
    Larissa

    ResponderExcluir
  67. Alguns textos me fazem rir. Senha que senha? Uma mulher cobra o homem na cama, ele precisa satisfazê-la dentro e fora da cama. O cara acha que tem pegada mas não tem e não se enxerga acha que tem. No meu caso me restava emprestar , prazer, satisfação, vontade de querer mais não rolava e cobrava . Cobrava mesmo. Senha que senha nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que situação! Tremenda roubada.

      Excluir
  68. A capacidade que as mulheres têm de detonar um relacionamento é insuperável, sem falar naquelas que escutam a opinião das amigas. A amiga encalhada ou com um namorado nada a ver faz de tudo para acabar com o namoro da amiga. E dizem ser amigas. Um hora cruzo com uma mulher que tenha vida própria, pensamento próprio, que não precise ficar grudada em mim para respirar. Everton Soares Maciel

    ResponderExcluir
  69. Show de bola o blog. Andressa

    ResponderExcluir
  70. Você pode estar a vida toda ao lado de alguém sem nunca ter conhecido a sua alma. E como fico admirada q ainda existam mulheres com este perfil. Pedir senha de celular? Sinceramente...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será? E vc ? Permitiu mesmo que alguém conhecesse a sua alma ?

      Excluir